Organizadores

André Maya

A sociedade brasileira contemporânea está inserida em um contexto de complexidade, risco e medo, do qual decorre o incremento das demandas por segurança e punição, principalmente frente às diversas crises pelas quais o Brasil atual passa. Nesse cenário, o Direito Penal e o Processo Penal assumem posição de destaque no cenário político e não raramente são utilizados como instrumentos simbólicos de políticas de segurança pública. De outro lado, as funções desse ramo do Direito são revisitadas pela doutrina e jurisprudência em busca de justificativas teóricas ao uso do sistema penal como instrumento de concretização do direito à segurança. O que resulta dessa busca é o alargamento do controle estatal pela via penal e uma inexorável limitação de direitos e garantias fundamentais historicamente conquistadas, colocando em risco o equilíbrio do sistema já fragilizado em nome da pretensão por segurança.


2019

Conteúdos relacionados

COISA JULGADA DAS QUESTÕES PREJUDICIAIS NAS AÇÕES COLETIVAS

Data: 24 de novembro de 2020Orientador: Prof. Dr. Handel Martins Dias – FMPBanca: Prof. Dr. Anízio Pires Gavião […]

O PRINCÍPIO DA AUTONOMIA PRIVADA À LUZ DO DIREITO SUCESSÓRIO CONTEMPORÂNEO: UMA ANÁLISE CONSTITUCIONAL ACERCA DA POSSIBILIDADE DA RELATIVIZAÇÃO DA LEGÍTIMA

Data: 15 de março de 2021Orientador: Prof. Dr. Maurício Martins Reis – FMPBanca: Prof. Dr. Francisco José Borges […]

CONVENÇÕES PROCESSUAIS NAS AÇÕES COLETIVAS

Data: 26 de novembro de 2020Orientador: Prof. Dr. Handel Martins Dias – FMPBanca: Prof. Dr. Francisco José […]

Coletânea do V Seminário Nacional: Tutelas à Efetivação de Direitos Indisponíveis

A quinta edição do Seminário Nacional Tutelas à Efetivação de Direitos Indisponíveis, promovido pelo programa […]

link whatsapp